7.11.09

No ar: Cine Freud

Corre fia, corre que vai começar!

Você já parou prá pensar num Cinema além do que pode ser visto? Quais as representações simbólicas por trás das cenas que vemos?

Pois é, se você é crítico, cri-cri, curioso, psicanalista ou leigo, bem humorado ou blasé, obsessivo ou sádico, está no lugar certo!

Meu objetivo é propôr este espaço para falarmos deliberadamente do que nos atrai. Para isso, reuni elementos fundamentais: bom humor, temperança e conhecimento. Assim, sinto-me bem confortável à dizer o que quero.

De onde surgiu?
Hmm... permita-me voltar no tempo por um instante.


Minha paixão pela Psicanálise data de pouco tempo. Sim, posso ser mais preciso: desde 26 de Fevereiro de 2008, Não sou N.O. ok? primeira aula de Psicanálise do primeiro ano da faculdade, pronto.
Desde então, os queridos livros da capa preta do mestre austríaco me acompanham diariamente.


Contentar-se com o manifesto não era uma característica do nosso querido Freud.
Para ele, o riso, o humor, as piadééénhas, os trocadilhos do cotidiano "falam mais" do que querem ser dito. Pois falam de outro, desconhecido de si que interpela a si. -q

O cinema mostra-nos a dimensão do desejo humano. O desejo de quem o faz, assim como daquele que assiste, divulga, critica, acha boniiiiito, nonsense, hilário, trash, desnecessário.


Portanto, sinta-se bem para dizer "tudo conforme lhe vier a mente". Acredito que será uma experiência tri-interessante.

Passar bem à todos!

Renato Oliveira

7 comentários:

Paula Werner Severo disse...

Olá.. agradeço a visita a meu blog.. e fico feliz de ver alguém engajado com a psicanálise!.. é um caminho árduo mas recompensador! e nada melhor do que começar com Fred.. o pai!.. rsrs... se bem que Lacan é bem mais castrador! rsrs
abraço
Paula

Pia Fraus disse...

O bacana dos encontros é a possibilidade do reencontro. Adorei aqui e agradeço sua possibilidade entre meu Pia Fraus...

bjo

Mike Benavides disse...

Tenho quer dizer que Psicologia me encanta! Adoro minhas aulas...
Fiz vários trabalhos sobre nosso amigos Sigmund!
Ficou legal, estou te seguindo, passa lá no meu tbém!
Abração!!!

Cenira de Mello disse...

Renato!

Vim seguindo teus passos e que caminho incrível constróis!
Escreve naturalmente, original, sem passar a limpo. O "RASCUNHO" é a primeira idéia, em cima do lance!
Teus escritos são ricos e tem tudo que condensam ainda mais o que mais AMO: PSICANÁLISE de FREUD e LACAN e etc..
Nascestes para fazer a diferença caro Renato!
A PSICANÁLISE sempre teve presente em tua vida, A Vertente (INCONSCIENTE) está jorrando e desbravando como uma avalanche para um SÁBIO absorver o SABER NÃO SABIDO.
Parabéns!
Muito obrigada por compreender meus escritos. Tão simples e ter teu reconhecimento me faz avançar com muito mais CORAGEM!
Um abraço.
Cenira

Talita Ribeiro. disse...

Cullegaaaaaaa... abalô bangû!
hahahaha.


Amei!
Que bom ter você por aqui também.
Que delícia!

Mil beijos e muito..mais muuuuito sucesso com o blog, e com tudo em sua maravilhosa vida!

Beijoconas.

Talitaribeiro.com.br

Christiano Kubis disse...

Oi Renato!
Obrigado pela visita!
Olha só, me parece que seu blog será interessante, vamos acompanhar, pois adoramos cinema, e psicanálise convém a todos nós né...

Um grande abraço e sucesso!

Gustavo Santiago disse...

Legal muito bom. Valeu pelo comentário no meu blog. Creio que daqui irá sair muita coisa boa - E a visão desse blog - é além do contexto dos filmes - será?

Tu está começando agora, mas agrada a tua forma de escrever, assim como eu to começando agora - podemos fazer uma parceria legal por ai.
Afinal cinema é paixão.